Alunos do curso “Pão de Coco e suas variações” fazem aula prática de precificação e vendas na Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco

Os alunos do curso “Pão de coco e suas variações” estão vendendo a produção das aulas nesta semana, terça-feira (16) e quarta-feira (17), a partir das 9h, na Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, Instituição da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, gerida pelo Instituto Dragão do Mar. A atividade visa promover uma formação mais completa, passando pelo conceito, produção até chegar à prática de vendas e negociação. Os pães de coco de 250g estão sendo vendidos a R$ 5 enquanto durar o estoque.

Moradores dos bairros Castelo Encantado, Serviluz, Vicente Pinzon e Caça e Pesca participaram de duas turmas (manhã e tarde) do curso gratuito, que aconteceu na última semana e abordou princípios básicos de panificação, boas práticas de manipulação de alimentos, práticas de produção de pães com fermentação natural, utilizando levain de água de coco, além das receitas mais tradicionais. Fichas técnicas e formas de precificação também estiveram na grade do curso, ministrado pelo gastrólogo Janderson Pinheiro e a chef Bia Leitão.

Sobre a Escola

Instituição da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, a Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco (EGSIDB) é gerida pelo Instituto Dragão do Mar. O nome faz referência ao fundador do grupo M. Dias Branco por ter sido, ele, o financiador da sede e sua infraestrutura doadas para o Estado. O centro de formação oferece cursos básicos e profissionalizantes em cozinha, panificação e confeitaria, além de mentorias para desenvolvimento de produtos, por meio dos Laboratórios de Criação. O público-alvo da escola são jovens em situação de vulnerabilidade social e adultos com ou sem experiência em gastronomia.

Skip to content