where to purchase alprazolam 1mg with american express buy phentermine hcl 15 mg online want to buy lorazepam 1mg mastercard buy drug tramadol online legally from canada order ultram 100mg in australia

A Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco é um centro de pensamento, inovação, experimentação e de produção de conhecimento sobre gastronomia e cultura alimentar. Localizada no nordeste do Brasil, tem sede em Fortaleza, Ceará. Com um programa de formação amplo e transversal, pioneiro na história das políticas públicas do país, a Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco integra uma série de ações no campo da cultura, economia criativa, juventude e turismo do Governo do Estado do Ceará complementando, em especial, as atividades da Escola de Hospitalidade: Hotelaria e Gastronomia Estação das Artes (a ser inaugurada em 2019).

“A escola tem o objetivo de oferecer formações gratuitas que estimulam o protagonismo cultural e social de jovens, homens e mulheres por meio da gastronomia.”

Capitaneada pelo Instituto Dragão do Mar, com recursos da Secretaria da Cultura, a escola tem o objetivo de oferecer formações gratuitas que estimulam o protagonismo cultural e social de jovens, homens e mulheres por meio da gastronomia.
O programa pedagógico está situado no campo da cultura alimentar brasileira e propõe percursos formativos em confeitaria, panificação e fundamentos da cozinha, a partir da oferta gratuita de cursos básicos, cursos profissionalizantes e laboratórios de criação.

Com capacidade para receber até 5 mil matrículas por ano, a escola dispõe das mais avançadas infraestruturas de equipamentos do país, formadas por cozinha-show, cozinha de panificação, cozinha de confeitaria, cozinha para fundamentos da cozinha, biblioteca, laboratório de informática, salas de aula teóricas, terraço de eventos e restaurante de finalização.

Em cada espaço, encontram-se equipamentos, mobiliários,  utensílios básicos e insumos para o desenvolvimento das competências previstas no cursos.

A NOSSA HISTÓRIA

Inaugurada no dia 29 de junho de 2018, pelo governador Camilo Santana, a Escola de Gastronomia Social é fruto de uma parceria entre o setor público e o setor privado. O Governo do Estado do Ceará é o responsável pela manutenção e custeio de atividades finalísticas. Após concessão do terreno por parte da prefeitura, o Grupo M. Dias Branco realizou a construção do prédio e a compra de equipamentos, doados ao Governo do Ceará.Em parceria com a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, o Instituto Dragão do Mar é a organização social responsável pela concepção e gestão da Escola, iniciativa inspirada na experiência da Porto Iracema das Artes, Escola de criação e formação do Ceará.

A Escola de Gastronomia Social integra o projeto de requalificação do Morro Santa Terezinha, no bairro do Mucuripe.

CULTURA ALIMENTAR DO CEARÁ

A cultura alimentar é um traço identitário de um povo. É o conjunto de práticas e saberes históricos, culturais, ambientais e territoriais relacionadas à sua alimentação. Compreende todo o processo que vai do cultivo ao descarte dos alimentos.

No Ceará, do litoral ao sertão, passando pelas serras, esse traço identitário se revela em diversas técnicas de produção, extração e escolha dos insumos. Nos utensílios, modos de fazer, conservar, beneficiar, aproveitar e reutilizar os alimentos.

A Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco tem o papel fundamental de reunir, organizar, interpretar e difundir a cultura alimentar do Ceará.

A Escola de Gastronomia Social integra o projeto urbanização do Morro Santa Terezinha, no bairro do Mucuripe, território de alta vulnerabilidade social, sobretudo para os jovens. Desde a sua concepção se propõe assume o papel de influenciar positivamente essas populações, gerando novas perspectivas de vida e oportunidades concretas de formação e trabalho.

“No Ceará, do litoral ao sertão, passando pelas serras, esse traço identitário se revela em diversas técnicas de produção, extração e escolha dos insumos.”

GASTRONOMIA SOCIAL

“(…)os alunos são estimulados a assumir o protagonismo cultural e social de suas vidas e, consequentemente, impactar todo o ecossistema cultural e econômico do estado.”

O conhecimento é um instrumento de transformação individual e social. Dessa forma, o conceito-chave para compreender o propósito dessa escola é o de “Gastronomia Social”. Oferecendo novos repertórios, compartilhando sabores e saberes, desenvolvendo pesquisas, criando e experimentando processos e produtos inovadores, os alunos são estimulados a assumir o protagonismo cultural e social de suas vidas e, consequentemente, impactar todo o ecossistema cultural e econômico do estado.

Criado em 1999, o Instituto Dragão do Mar é a primeira Organização Social Cultural do Brasil. Tem como objetivo formular e executar programas e ações de formação e difusão de 10 instituições do Ceará. São elas: Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, Escola de Hotelaria e Gastronomia Estação das Artes, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Escola Porto Iracema das Artes, Centro Cultural Grande Bom Jardim, Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho, Cineteatro São Luiz, Theatro José de Alencar, em Fortaleza; e ainda Casa de Saberes Cego Aderaldo, em Quixadá, e a Vila da Música, no Crato. 

O Instituto Dragão do Mar foi criado em 1993, pelo então Secretário da Cultura do Ceará e atual Presidente do Instituto Dragão do Mar, o jornalista e antropólogo Paulo Linhares, e pelo então Governador do Estado do Ceará, Ciro Gomes.

Ao assumir a gestão da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco,  o Instituto Dragão do Mar expande seu repertório de políticas públicas para o campo específico da gastronomia social, trazendo uma expertise de mais de 20 anos ações voltadas para o desenvolvimento humano, inclusão cultural e social.

“Ao assumir a gestão da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco,  o Instituto Dragão do Mar expande seu repertório de políticas públicas para o campo específico da gastronomia social, trazendo uma expertise de mais de 20 anos ações voltadas para o desenvolvimento humano, inclusão cultural e social.”

A Escola de Gastronomia Social é uma instituição de ensino público de gastronomia, com certificação em nível básico e técnico, mantida pelo Governo do Estado do Ceará por meio da Secretaria da Cultura.

PARCEIRO

GESTÃO

PATROCINADOR

EQUIPE DA ESCOLA

  • Selene Penaforte
    Selene Penaforte

    Superintendente da escola
    selene@gastronomiasocial.org.br

  • Paulo Linhares
    Paulo Linhares

    Presidente do Instituto Dragão do Mar
    paulo@gastronomiasocial.org.br

  • Lina Luz
    Lina Luz

    Coordenadora de formação
    lina@gastronomiasocial.org.br

  • Damaris Barros
    Damaris Barros

    Coordenadora pedagógica
    damaris@gastronomiasocial.org.br

ONDE FICA A ESCOLA?

Skip to content